sábado, setembro 21, 2019

Uma aventura...

Visão do Palacete para o lado do jardim 
A vida vale a pena quando finalmente descobrimos um lugar que toda uma vida quisemos conhecer..
E foi o que aconteceu... numa destas tardes, longe do rebuliço do fim-de-semana eu e a C. fomos à descoberta da Quinta Nova da Assunção na zona de Belas, perto de Sintra.
Esta quinta datada perto do ano de 1860, para mim sempre foi um absoluto mistério, porque enquanto eu vivi nesta zona o edifício e os seus jardins sempre estiveram encerrados.

Fiquei um pouco desiludida quando lá chegamos e as portas do palacete estavam fechadas, pelos vistos só abrem quando tem alguma exposição temporária. Uma pena...

Mas os jardins estavam abertos, confesso que sou um bocadinho como as crianças, quando estão em ânsias para descobrir alguma coisa nova.. E lá entramos, tudo parecia silencioso, bastante seco, mas isso não nos impedir de irmos em busca do que queríamos ver...

                                                                    Parque de Merendas
Encontramos várias coisas, tanques antigos, casas semi-abandonadas, árvores de fruto (ainda comemos um figo branco).

                                                                     Dióspireiro

Muitas folhas no chão, pois claramente o outono está a chegar...

                                                                  As árvores curvadas 

                                      Muitas folhas no chão com flores a nascer no seu meio

Continuamos o nosso caminho e pelos jardins fora, encontramos vários lagos, uns secos, outros ainda com alguma água, várias máquinas para fazer exercícios.

                                                               Várias árvores de frutos

O que percorremos ainda foi bastante, estava muito longe de que este lugar tinha para oferecer...
Ficamos com muita pena que todos os edifícios estivessem fechados.
Vimos azulejos muito pitorescos...

                                                                        Os azulejos

Chegamos um determinado local onde se via um género de miradouro que também pensamos que tivesse fechado, mas não, tínhamos acesso e lá fomos nós descobrir aquela preciosidade.
Para além de ter o miradouro, tinha uma porta com escadas que dava acesso a uma cave, que me pareceu ser um género de mina de água. Esta zona de Belas, tem vários locais com minas de água. Obviamente esse local estava bloqueado.

                                                                      O miradouro

Alguém só me dizia que "estava a gostar muito desta aventura na quinta e floresta misteriosa.
Quando chegamos ao topo que grande surpresa e que grande vista...

                                                                A vista maravilhosa

                                                                 Eu aos olhos da C.

Ainda fomos a tempo de ver umas maravilhas da natureza...


                                  A força das raízes das árvores rebentaram o muro da quinta
No caminho de regresso ainda houve tempo para mais umas descobertas...

                                                              Adoro esta fotografia

Na despedida descobrimos este banco com um mural de azulejos de inspiração chinesa (espero não estar a dizer nenhuma barbaridade, se for alguém que me corrija).

Estas foram algumas das minhas fotos, no entanto deixo-vos a sugestão de uma outra página com fotos lindíssimas do local.

Posso-vos contar que no fim desta aventura, cheguei a casa e a C. pediu-me para "escrever com as palavras dela, a história daquela tarde, para levar para os amiguinhos da escola.
Aqui fica o registo e a sugestão para este fim-de-semana.

Alguém de quem nos lê conhece este local?

Beijos e abraços
Sandra C.



quinta-feira, setembro 19, 2019

Pêra Verde


Após o primeiro dia de aulas, a minha filha chegou a casa a dizer que me queria mostrar a canção da "Pêra Verde", que eu não conhecia.

E lá fui em busca da dita música no Youtube e adorei o que descobri.
Leve, divertida, com uma letra tão fácil de se aprender, um mimo!

Ainda ouvi mais algumas músicas da cantora e fiquei fã.

A Celina participou no Festival da canção de 2017 com a música " Primavera"

Adoro quando os meus filhos trazem para casa estas "novidades" musicais.

Beijos e abraços.
Sandra C.

PÊRA VERDE

Deste-me uma pêra verde
Estava a meio de amadurar
Pêra verde minha verde pêra
Não me venhas enganar

Não me venhas enganar
A mim não me enganas não
Pêra verde minha verde pêra
Amor do meu coração

O amor quando se perde
É como a nódoa da amora
Só com outra amora verde
A nódoa se vai embora

Pediste-me uma laranja
Meu pai não tem laranjal
Se queres um limão doce
Vai à porta do meu quintal

segunda-feira, setembro 16, 2019

De volta à escola!



Para todos os efeitos hoje é o primeiro dia de escola efectivo.
As apresentações já foram, as reuniões dos pais também, hoje é o regresso a vida escolar.

O meu filho mais velho vai iniciar uma nova etapa, o 5o ano.
Penso que só ontem, ele caiu na "real", todos os medos, receios vieram ontem ao de cima.
Na minha opinião os miúdos de hoje em dia, não estão muito preparados para este choque, mas ele é necessário...

Uma coisa que me fez confusão, foi saber que nesta escola não existe toques entre as aulas (como assim não existem toques???? 🙄)
Deve ser algum "pacto" ambiental para não fazer ruído.
Enfim... não entendo esta novidade.

Seja o que Deus quiser, nós cá estaremos para ajudá-lo a cruzar o seu caminho.

A mais pequena vai para o segundo ano do pré-escolar. Está bem integrada, mesmo no primeiro dia do pré escolar já estava (é toda despachada a miúda 😁).

Fiz-lhe ver que estando no segundo ano, tinha que ter o cuidado e "ajudar" na integração dos meninos mais novos na turma. Respeitar as regras sem nunca deixar de brincar....
Está no bom caminho, o ano que vem será um novo desafio...

Todos os pais nestes dias tem a cabeça cheias de mil dúvidas, ânsias, daqui vai um especial carinho para todos, mas em especial, para os pais de crianças que carecem de ensino especial.
E porque falo neste assunto? Porque nestes últimos dias assisti a duas situações diferentes mas relacionadas com este tema.

Por um lado, verificar que as crianças ainda que sem querer podem ser "mauzinhos" com os comentários que fazem ... cabe-nos a nós, pais e educadores incutir-lhes a questão do respeito pela diferença e também integração.

Por outro lado verificar que certos adultos tem uma moral muito pequenina e que de alguma forma a vida devia encarregar- se de lhes dar uma lição... Falo disto, porque um dia destes assisti a uma conversa de café, um senhor a dizer alto e bom som que existia duas turmas na escola da filha com apenas vinte alunos, porque tinham dois alunos de ensino especial e que por causa disso lá iam dezasseis alunos a vida. Só por causa dos "coitadinhos"...

Acho que nem o café me passou no estreito! Deitei uns olhos ao homem, eu e mais umas quantas pessoas que lá estavam.
E ele lá continuava tipo papagaio, dono da sua razão, ou da falta dela... Surreal!

Tenho um orgulho imenso  de saber que os meus filhos estão integrados em escolas que valorizam e integram estas crianças e jovens.

Os projectos educativos quando são criados, são para todos sem distinções.

Não costumo falar de temas controversos por aqui, mas isto mexe comigo!!!

Por fim, desejar a todos os que nos lêem, sejam professores, educadores, auxiliares e alunos, um bom ano lectivo 2019/2020.

"O resultado mais sublime da educação é a tolerância".
Helen Keller

"A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo."
Nelson Mandela.

"O principal objetivo da educação é criar pessoas capazes de fazer coisas novas e não simplesmente repetir o que outras gerações fizeram."
Jean Piaget

Beijos e abraços.
Sandra C.

sábado, setembro 14, 2019

Lugares maravilhosos - Praia da Nova Vaga


Esta praia maravilhosa, foi o nosso destino no passado fim-de-semana.
Um lugar calmo, areia fina (como todas as praias desta zona), praia de surfistas, mas em que outros veraneantes como nós se sentem confortáveis para estar.

A praia da Nova Vaga, situa-se no concelho de Almada, na freguesia da Costa da Caparica.
Faz parte de uma larga extensão de praias, mas como é mais afastada, tornou- se um lugar aprazível para quem quer fugir ao rebuliço.

Água límpida e de temperatura média (já lá estivemos com a água quente).
Alguma ondulação, mas um lugar ideal para se estar com crianças.


Areia branquinha e fina,  lugar onde  estender as toalhas não falta, dunas, enfim um verdadeiro paraíso...



Nesta praia passa o comboio das praias, sendo esta paragem a número dezassete do Transpraia.


Todas as fotos aqui colocadas são de minha autoria....

Um lugar maravilhoso, para passar um dia de praia excelente.
Fica a sugestão para um destes fins-de-semana.

Bom fim-de-semana a todos.
Beijos e abraços.
Sandra C.