Avançar para o conteúdo principal

Na Cozinha Mando Eu - Bolo de Café e, Nutella e Amêndoas

 


Bom dia!
Hoje como sugestão para o fim-de-semana trago-vos um bolo que fiz há uns tempos e cuja receita nunca tinha partilhado.
Bolo de Café, Nutella e Amêndoas... como devem imaginar eu não comi, mas quem comeu diz que estava muito fofinho e saboroso!

Ingredientes:
- 5 Ovos
- 250 grs de Açúcar
- Uma mão cheia de amêndoas laminadas (se quiserem podem torrá-las para um sabor mais intenso)
- 2 colheres de sopa de azeite
- Raspa de 1 limão e sumo de meio limão (podem substituir por laranja ou tangerina)
- 1 colher de sopa de Café Solúvel
- 2 colheres de sopa de Nutella
- 100 grs de farinha de aveia
- 50 grs de farinha de trigo com fermento
- 50 grs de farinha Maizena
- 1 colher de sobremesa de fermento em pó
- Amêndoas laminadas q.b.

Preparação:
Bata as gemas com o açúcar até obter uma gemada fofa, acrescente o azeite, a raspa e o sumo de limão, o café e a Nutella e incorpore os ingredientes muito bem.
Bata as claras em castelo. Vá adicionando intercalando as claras com a mistura das farinhas e do fermento.

Unte e enfarinhe uma forma, Deite o preparado do bolo na forma e por cima coloque algumas amêndoas.

Leve ao forno pré-aquecido a 180º e deixe cozer, até que ao espetar um palito este saia seco.
Deixe arrefecer e pode polvilhar com um pouco de açúcar em pó.

Bom apetite.

Beijos e abraços.
Sandra C.

Comentários

Enviar um comentário

Pode comentar... o Bluestrass não morde!

Mensagens populares deste blogue

A origem das coisas...

Todos os dias fazemos pequenos gestos e usamos alguns produtos que se tornam num ritual diário. Por exemplo, com certeza que usa sabonete, ou mesmo gel de banho todos os dias.  Já alguma vez se perguntou porque o fazemos, ou qual é o sua origem? O sabonete é um produto muito antigo, os primeiros vestígios deste produto, foram encontradas na era de 2800 A.C., durante as escavações da antiga Babilónia. Na era de 1500 A.C. os antigos egípcios usavam uma mistura de óleos animal e vegetal com sais alcalinos para criar um material semelhante ao sabão, este era usado para tratar de doenças. Na era de 600 A.C. os fenícios confeccionavam uma mistura de terra argilosa com cinzas de madeira ou calcário para limpar o corpo. Este produto correu as rotas do comércio, até chegar à Europa, no entanto esta técnica não foi utilizada pelos Romanos, durante cerca de 600 anos.A partir do I século D.C. o fabrico do sabão foi evoluindo consideravelmente, desde o cozimento do sebo de carneiro com cinzas de

Férias para que vos quero!!

                                                                  Image from Pinterest Sim, é verdade, hoje começamos uma semana de férias (eu e o meu marido, os miúdos) estão na escola! Não que a situação me agrade de todo, porque férias para mim,é estarmos todos juntos e sairmos de Lisboa! Mas na falta de melhor, é o que se arranja! Começamos o fim-de-semana da melhor forma a ir ao cinema com os miúdos e sogros para ver o filme "Peter Rabitt"  e foi muito bom... começar e acabar o filme a rir verdadeiramente com vontade! Recomendo! No resto da semana vamos aproveitar para conhecer alguns locais onde nunca estivemos e voltar a outros apenas porque nos apetece!! Em Sintra, queremos descobrir a  Vila Sassetti  (Images from http://www.e-cultura.sapo.pt/), por ser um local idílico, mesmo à espera de quem o visite e queira descobrir os seus encantos! Espera-se frio e alguma chuva! Espero que o São Pedro seja amiguinho...    Num destes dias e para comemorar 1

País do NÃO, País do SIM

  Bom dia! Hoje comemora-se os 50 anos do 25 Abril. Como diz o meu pai "Como assim 50 anos?" Mas é verdade, já lá vão 50 anos. 50 anos depois de finalmente o povo poder sair à rua, sem medo... Deixo-vos um vídeo com texto de minha autoria. O desenho do cravo final, é da autoria da Carol. País do NÃO, País do SIM "Até Abril florir, Portugal era o país do Não. Não podes ser, Não podes ler,  Não podes ter, Não PODES! Não podes! Quantos homens não puderam ser felizes, porque uma guerra consumiu-lhes a vida? Quantos livros não foram lidos, porque eram impróprios? Quantas opiniões se perderam, porque foram encarceradas? Quantas músicas foram ouvidas em surdina? Quantos homens e mulheres tiveram de abandonar o seu país, para salvaguardar as suas vidas e os seus ideais? Após Abril florir, o povo saiu à rua! Após Abril florir nunca mais se deixou de cantar uma canção! Abril floriu, mas muitos não sabem que flor foi essa que nasceu nessa madrugada . Porque os livros não contam, qu