quinta-feira, junho 08, 2017

Fotografias- Imagens que valem muitos sentimentos


Fotos... adoro-as! Desde muito pequena, que a antiga máquina fotográfica do meu pai me fascinava.
Basicamente eu só tinha direito a vê-la de perto mas sem mexer. Isto em criança, pois na adolescência já me era concedido agarrá-la e fotografar...

Por essa altura foi quando tive a minha primeira máquina . Já na altura fotografava tudo o que mexia...

Mais tarde, quando já trabalhava consegui comprar a minha primeira máquina para valer!
Não entendia nada daquilo, mas aos poucos lá fui descobrindo... O meu  primeiro rolo, foi tirado quase todo em Sintra, No Castelo dos Mouros, jardins, arvoredo e quando o mandei revelar sempre pensei que o rolo viesse em branco... e enganei-me e fui surpreendida, com um conjunto de fotos, que pareciam ter vindo de uma máquina do tempo!



Desde esse rolo para a frente, muitas dezenas de fotos se seguiram, tudo servia de mote para mais uma fotografia. Os caminhos por onde passava, as flores, os gatos, o pôr-do-sol!





Enfim... adoro fotografar e procuro sempre encontrar algo inusitado para o fazer, como os pés!














O supra sumo das minhas incursões pelo mundo das fotografias, foi o nascimento dos meus filhos.
Já na fase digital (o que veio quebrar a magia da fotografia), tudo era motivo para mais uma foto.



O supra sumo das minhas incursões pelo mundo das fotografias, foi o nascimento dos meus filhos.

Já na fase digital (o que veio quebrar a magia da fotografia), tudo era motivo para mais uma foto.


Neste momento, já mais crescidos, continuo a fotografá-los, não só com máquina mas com telemovel... mas o "bichinho" de fotografar tudo o que me rodeia continua cá.
Raras são as situações em que máquina não anda atrelada a mim.

Não serei uma grande fotografa, tenho muito que aprender, mas tento sempre fazer o melhor que posso!

Cumprimentos a todos
Sandra C.

"



"Uma fotografia é um instante de vida capturado para a eternidade."

             "Fotografar é conseguir captar o que existe atrás do que se vê com os olhos.
                             É ver através de uma parede invisível."

                            Autores desconhecidos

Sem comentários: