sexta-feira, junho 26, 2009

Que descanse em paz....




segunda-feira, junho 22, 2009

Férias....


Esta foto foi retirada da página http://br.olhares.com/sao_torpes_litoral_alentejano_foto2615979.html

Estamos de férias, apesar de este ano não irmos mesmo de férias, pois as 32 semanas já não permitem muitas aventuras, a ver se ainda damos um pulinho até à praia (aqui mais perto de nós...) e também ir lá para os lados de Porto Covo, mais propriamente São Torpes.

De qualquer maneira não ir para lado nenhum de férias não nos impede de sonhar... ao pesquisar na Net, não tenho o costume de procurar, ou a ambição de ir para lugares paradísiacos. Se pudessemos iamos talvez em busca do Portugal desconhecido... e acreditem que existe muito que ver, muito a explorar neste nosso cantinho...
É quase impossivel colocar aqui, todos os locais que encontrei, mas fica apenas uma amostra de umas férias que não nos locais habituais, com montanhas de gente, etc...:


- Janeiro de Cima (Concelho do Fundão), onde pode ver as típicas aldeias de xisto, aproveitar para uns banhos na praia fluvial, etc...
-Escaroupim (Concelho de Salvaterra de Magos), onde para além da vista sobre o Rio, também pode acampar, no caso de gostar é claro...
- Arneiro (Concelho de Nisa), aqui pode fazer passeios pedestres e ir ao encontro da Exploração de ouro feita pelos Romanos.



Existem mil e um cantinhos por este Portugal, aqui fica apenas 3 exemplos que achei interessantes...
Agora deixo-vos uma proposta, conhecem algum local, tem preferências, contem-mas....
Jokas a todos...
Sandra C.

quarta-feira, junho 17, 2009

Uma flor sem tempo...

Em homenagem ao maestro José Calvário, aqui fica uma canção das mais bonitas e tocantes que ele compôs...
Que descanse em paz...

Flor sem tempo

Na mesma rua
Na mesma cor
Passava alegre
Sorria amor
Amor nos olhos
Cabelo ao vento
Gestos de prata
De flor sem tempo
É dela o mundo
É a certeza de viver

Canta o sol
Que tens na alma
És a flor de ser feliz
Olha o mar
De tarde calma

Foi como o vento
Soprou um dia
Passava alegre
Alguém a via
É nossa a vida
É a certeza de te ver

Canta o sol
Que tens na alma
És a flor de ser feliz
Olha o mar
De tarde calma
Ouve o que ele diz (4x)