quinta-feira, junho 12, 2008

As mézinhas de Santo António...

Hoje é noite de Santo António, é noite de marchas populares e sardinha assada e há uns anos atrás era noite de saltar à fogueira também.
Por muita pena minha, estou a trabalhar até ás 22.00 e quando sair já não vou ter muita paciência para ir ver as marchas, mas ainda vejo alguma coisa pela televisão.
Hoje vou deixar aqui é algumas mézinhas que as meninas antigas faziam na noite de Santo António para arranjar um namorado... Será que ainda alguém acredita nisto??

As meninas casadoiras para saberem quem seria a sua cara-metade, enchiam um alguidar com água e escreviam em pequenos papeis o nome daqueles que gostariam que fossem potencias namorados, enrolavam-nos como se fossem rifas e colocavam os mesmos dentro do alguidar.
Este alguidar era colocado debaixo da cama, no dia seguinte o papel que estivesse mais aberto revelava o nome do "felizardo".

Na noite de Santo António fechavam-se à meia-noite num quarto ás escuras, em frente a um espelho, chamavam pelo Santo sete vezes e acendiam uma vela, nessa altura viam reflectido no espelho a imagem do futuro noivo.

Para descobrirem o nome do futuro noivo, as raparigas deitavam numa fogueira já quase extinta, cinco reis. No dia seguinte iam buscar o dinheiro e entregá-lo ao primeiro mendigo que aparecesse na rua, perguntavam-lhe o nome e ai tinham a resposta do pretendente.

Na noite de Santo António, queimavam a cabeça de uma alcachofra a pensar no amado e plantavam a planta num vaso com terra. Se passado algum tempo ela voltasse a florescer, queria dizer que era correspondida, se não... paciência.

Sem comentários: