sexta-feira, junho 01, 2007

O fumo que incomoda...

Imagem retirada de http://cat_3105.blogs.sapo.pt/
Ontem comemorou-se o Dia Mundial sem Tabaco e no Jornal Destak fazia-se referência a um estudo da Marktest em que se confirmava que 2/3 da nossa população nunca tinha fumado na vida.
Eu pertenço a essa parte da população, nunca fumei porque nunca senti necessidade disso para me afirmar perante a sociedade, como faziam tantos/as colegas minhas, nunca fumei porque assumi um compromisso/promessa aos 16 anos que nunca o faria, nunca fumei porque sempre me habituei a ver fumar o meu avô, o meu pai e depois o meu irmão e sempre achei o cheiro simplesmente repugnante (que me desculpem quem fuma).
Hoje na minha família já ninguém o faz e ainda bem... mas não me esqueço do cheiro que as roupas do meu pai tinham, dos ataques de tosse matinais, do cheiro a tabaco misturado com mau hálito que uma professora de inglês tinha.
Hoje perto de mim tenho algumas pessoas que fumam, mas já não fumam tanto como até há uns meses atrás...
Dificilmente esquecerei o sofrimento de uma colega minha que até não fumava e que lhe foi detectado cancro dos pulmões e ainda mais difícil de aceitar, era as pessoas que me vinham perguntar por ela... de cigarro na mão... nessas alturas só me apetecia perguntar se não tinham vergonha na cara???
Eu até entendo que quem fuma se sinta injustiçado agora que tanto se ouve falar em multas para quem seja apanhado a fumar num local que não seja permitido, mas eu pergunto, já pensaram como é que se sentem as pessoas que não fumam e que querem fazer um simples acto de sair (à noite ou não) para um bar ou para um restaurante em que não exista um local para não fumadores? Eu falo por mim...sinto-me sufocada!
Pela sua saúde, pela sua carteira, por um mundo mais puro (se é que ainda se pode sonhar com tal coisa?? ), deixe de fumar!

Sem comentários: