quarta-feira, maio 16, 2007

Sonhar a dormir ou acordado?

Sempre que deitamos a cabeça na almofada e adormecemos, sonhamos, umas vezes coisas boas, outras vezes coisas más...
Quem é que em criança nunca acordou, ou foi acordado a meio de um pesadelo?
Em criança sonhei muitas vezes que uma cobra subia para a minha cama e vinha deitar-se ao meu lado, ainda hoje não sei o significado, mas como até nem gosto de cobras, prefiro nem saber...
Em adolescente sonhava algumas vezes que me casava, mas que o “desgraçado” do noivo não tinha cabeça, apenas uma névoa...
Na semana antes de andar a 1ª vez de avião, sonhei que o avião levantava voo, a pique e que ficávamos colados à cadeira (que pânico...)
Sonhei algumas vezes com pessoas que me são queridas e que já não estão neste mundo, falei com elas e nessas conversas fiquei a saber algumas coisas... enfim...este mundo dos sonhos é tão complexo que não me atrevo a deixar aqui o significado deles, pois são muitos, indico-vos antes um endereço, dos muitos que existem a falar deste assunto:
http://www.mensagenseamor.com.br/significadodossonhos

Deixo-vos antes alguns tipos de sonhos que se podem ter:

Sonhos Criativos: Sonhos em que as pessoas que os têm, conseguem transcreve-los para o papel ou para uma tela.

Sonhos Lúcidos: Sonhos em que a pessoa consegue controlar o que se vai passando, quem tem estes sonhos, consegue encontrar outras pessoas e mais tarde descobrir que essas pessoas tiveram o mesmo sonho, com tudo o que ele inclui (Esta é difícil).

Pesadelos: Se o seu sonho é daqueles que afligem, se sonha com monstros e/ou fantasmas, o significado é que está com medo de alguma coisa na sua vida real e que precisa resolver.
Se por outro lado sonhou que se encontra preso em algum sítio, poderá significar que tem algo na sua vida que o prende.

Sonhos Previsíveis: Sonhos em que a pessoa que os tem, vive algo que no futuro se concretizará.

Sonhos Repetitivos: Quando sonhamos com alguma coisa, mais do que uma vez, poderá querer dizer que existe algo na sua vida que o preocupa.

Sem comentários: